domingo, 28 de fevereiro de 2010

Crónica X (1991)

Mais uma vez, dos núcleos e associações policiaristas, saía uma publicação, O Homem que escrevia sonhos de M. Constantino,  numa edição da Associação Policiária Portuguesa, um "ensaio" escrito em 1990, para comemorar os cem anos do nascimento de H. P. Lovecraft. São muitos os exemplos de edição de ficção e não ficção dentro da ficção científica e fantasia nas publicações de grupos ligados ao Policial. Como na maioria dos casos, tal é desconhecido, aqui fica mais esta raridade.

 
  
Do lado direito, o autor M. Constantino, nas páginas do nº 1 do XYZ Magazine


XYZ Magazine nº 1 (Dez. 1979)

XYZ Magazine foi uma publicação feita, sobretudo, por e para policiaristas que tendo uma atitude aberta ,se assumia também de ficção e antecipação científica e que ao longo dos seus números foi publicando trabalhos dentro dos géneros. Por isso aqui a recordamos.

 
  


sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

Trillion Year Spree: The History of Science Fiction - Brian W. Aldiss

Uma obra fundamental para a compreensão da ficção científica, pela mão de um grande ficcionista, 
Brian Aldiss (1) (2)


domingo, 21 de fevereiro de 2010

Será que a ficção científica morreu mesmo?

Vai para uns bons tempos que alguém disse, afirmou, escreveu que as obras de Ficção Científica são  as que estão na prateleira que diz Ficção Científica. Se assim é a Ficção Científica está mesmo perdida.
Hoje fui até um dos maiores centros comerciais do Porto, onde existe uma Fnac e uma Bertrand. Loucura das loucuras na Fnac encontrei quatro exemplares da colecção Nebula das PEA e só os encontrei depois de junto de uma funcionária questionar pela secção de ficção científica e por ela lá ser levado. Já nem indicação tem. Na Bertrand nem um sequer. Ainda tive a esperança de ao menos encontrar “As Atribulações de Jack Bonhomme do Telmo Marçal. Mas nem isso. 
Contudo uma surpresa, ”O Evangelho do Enforcado” do David Soares, figurava com enorme destaque no romance histórico.

Resistindo a esta tendência aniquiladora aqui ficam algumas prateleiras de ficção científica.

 
Os biblogatos na sua ronda nocturna.

sábado, 20 de fevereiro de 2010

Eternus 9 - Vítor Mesquita - Visão

Cá estão as prometidas imagens da Visão

 

Solaris - Stanislaw Lem - PEA/FC Bolso 58 (1983)




O José António Rosa, responsável pela colecção nas PEA
pediu duas notas, uma grande e uma pequena. Saiu a pequena.

Extracto do posfácio do Darko Suvin

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Uma antologia muitos nomes

A estafadissima história de que a ficção científica e fantasia não se vendiam e não se vendem, o mais das vezes contrariada, quer pelas antigas tiragens da Argonauta que durante anos foram de 10000 ex. por livro, quer da invasão da SdE, quer das incursões da Gailivro e Presença, nos géneros referidos.
Paradigma disto é uma antologia com três edições que se repetem com pequenas alterações, como se fossem autónomas.

 
1ª edição - Dezembro 1976 - Edições Propaganda, Porto

2ª edicão -1977 - Editora Nova Crítica, Porto

3ª edição - Junho 1985 - Edição Via Óptima, Porto

Índice comum às três edições e ilustração apenas nas 2ª e 3ª edições